Bem-vindo à Agência de Desenvolvimento de Juiz de Fora e Região!

Horário de Funcionamento de 13:00 às 19:00

Av. Getúlio Vargas, 455 / 4° andar Centro , Juiz de Fora, MG

(32) 3215.7100(32) 3217.9846

18Mar

Epamig apresenta tecnologias para cafeicultura em Simpósio de Manhuaçu


por: Assessoria

As tecnologias desenvolvidas pela Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG) serão destaque durante o 18º Simpósio sobre Cafeicultura de Montanha, que será realizado de 19 a 21 deste mês, no Parque de Exposições de Manhuaçu. Nesta edição, os pesquisadores vão apresentar dois minicursos e uma palestra, destacando resultados de pesquisas, recomendação de cultivares e novo controle da broca do café.

Considerado um dos mais importantes da Zona da Mata, o simpósio pretende reunir cerca de mil produtores de café e as principais lideranças do setor para debater ações que garantam qualidade, produtividade e mercado para a cafeicultura na região de montanha. A realização é da Associação Comercial, Industrial e Agronegócios de Manhuaçu (ACIAM), com o objetivo de difundir conhecimento, novas pesquisas e informações sobre cultivo, beneficiamento, qualidade e comercialização do café, principalmente para os produtores familiares.

A EPAMIG será responsável por dois minicursos e uma palestra. Na quinta-feira, 20, às 9h30, o pesquisador César Elias Botelho vai falar sobre as pesquisas desenvolvidas em conjunto com a Embrapa Café para cafeicultura de montanha; às 15h30 os pesquisadores Antônio Alves Pereira e Antônio Carlos Baião de Oliveira vão abordar as recomendações de cultivares de café. Também na quinta, o pesquisador Júlio César de Souza fará palestra sobre novo controle da broca do café, às 15h30. As inscrições poderão ser feitas durante o evento, no estande da ACIAM.

Valorização do café das Matas de Minas

Estrategicamente planejado para o mês de março, o Simpósio sobre Cafeicultura de Montanha é responsável por preparar o setor para a safra cafeeira, apresentando aos produtores e técnicos informações sobre mercado, resultados de pesquisas e técnicas para o manejo das lavouras. A programação completa está no site www.simposiodecafeicultura.com.br.

A cafeicultura é a principal atividade agropecuária na região de Manhuaçu, que tem cerca de 20 mil propriedades cafeeiras. O número representa 71% das propriedades produtoras de café na Zona da Mata, a segunda região produtora de café no estado. A área plantada na região é de aproximadamente 115 mil hectares, responsáveis pela produção de 2,8 milhões de sacas.

A região das Matas de Minas, formada pelos polos cafeeiros de Manhuaçu, Muriaé e Viçosa, tem expectativa de produção de 6,2 milhões de sacas de café, segundo estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) para a safra deste ano. Esse volume, somado ao das regiões do Rio Doce e Central, representa 24% da produção mineira e 12% do Brasil.

 


Últimas Notícias



Galeria de Fotos