Bem-vindo à Agência de Desenvolvimento de Juiz de Fora e Região!

Horário de Funcionamento de 13:00 às 19:00

Av. Getúlio Vargas, 455 / 4° andar Centro , Juiz de Fora, MG

(32) 3215.7100(32) 3217.9846

15Abr

Campanha de vacinação contra gripe começa dia 22


por: Assessoria PJF

Começa na próxima semana, em Juiz de Fora, a Campanha Nacional de Vacinação contra a "influenza sazonal", popularmente conhecida como "gripe". Com o tema "Vacinação Contra a Gripe: Você Não Pode Faltar", a ação segue até 9 de maio, com o objetivo de imunizar 80% das cerca de 138 mil pessoas dentro do público-alvo, considerado de risco.

A novidade deste ano é a ampliação da faixa etária para crianças de seis meses a menores de cinco anos. No ano passado, o público infantil foi de seis meses a menores de dois anos. Além das crianças, fazem parte do grupo pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores da saúde, gestantes, puérperas (mulheres de até 45 dias após o parto), população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e doentes crônicos não-transmissíveis.

Durante a campanha, as doses serão disponibilizadas nas unidades de Atenção Primária à Saúde (Uaps), das 7h30 às 10h30 e das 13 horas às 16h30. Já no Departamento de Saúde da Criança e do Adolescente, no térreo, na Rua São Sebastião, 772776, Centro, o atendimento acontece das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas. Na sala do Posto de Atendimento Médico (PAM) Marechal, 496, Centro, 3º andar, as doses serão distribuídas das 7h30h às 16h30.

Para facilitar a locomoção dos idosos, as vacinas também estarão disponíveis no Departamento de Saúde do Idoso, que fica na Rua Batista de Oliveira, 943, Centro, das 8 às 11 horas e das 13 às 16 horas, e no Santa Cruz Shopping, na Rua Jarbas de Lery Santos, 1655, Centro.

A "influenza" possui origem viral e pode levar a complicações ou até mesmo ao óbito. A vacina protege contra três subtipos do vírus da gripe especificados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 2014, entre eles H1N1, H3N2 e influenza B. Após a aplicação podem ocorrer dor no local da injeção, eritema (coloração avermelhada na pele) e induração (inflamação no local). Os efeitos passam em geral em até 48 horas. A vacina não é indicada para pessoas com histórico de anafilaxia ou que possuam alergia grave a ovo de galinha e derivados.

* Mais informações podem ser obtidas pela imprensa junto à Assessoria de Comunicação da Secretaria de Saúde, pelos telefones 3690-7389/7123.


Últimas Notícias



Galeria de Fotos